Home»Artigos»Spike Lee compartilha o que filme significa para ele

Spike Lee compartilha o que filme significa para ele

4
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Filmes podem  significar um monte de coisas para um monte de gente. Eles podem ser um meio de entretenimento ou fuga. Eles podem ser um veículo para a criatividade e expressão. Eles também podem ser uma forma de mudar a sua vida, e até mesmo o mundo. Para o diretor e recente vencedor do Oscar Honorário Spike Lee, filmes podem ser todas essas coisas e muito mais. Ele sentou-se com Academia Originals para falar sobre os filmes que têm tido impacto em sua vida tanto como um espectador e como artista.

Antes de pensar em filme, no entanto, eu achei interessante que a gente tirasse um momento para olhar para a mente do grande cineasta e descobrir quais filmes que ele considera serem essencial de se ver. Quais filmes e diretores moveram (e ainda movem) e ajudaram a transforma-lo no cineasta que criou algumas das maiores histórias e também muitas técnicas de filmagem imaginativas.

Para se ter uma perspectiva, além de fazer filmes, Lee foi professor na escola de cinema da pós-graduação da NYU (sigla da New York University) nos últimos 15 anos. (um  escritor / diretor / professor de filme bem sucedido… Spike Lee tem a carreira dos meus sonhos.) Ele diz que no primeiro dia de aula ele entrega uma lista – a lista do que ele considera os maiores filmes já feitos – filmes que são indispensáveis se você quiser se tornar um cineasta. E agora, para nossa alegria, a gente não precisa ser um estudante de graduação na NYU para conhecer a lista, porque Spike Lee a compartilhou com todos.

Você tem o seu Kurosawa, Fellini, Hitchcock, De Sica, Kubrick, Truffaut, Coppola e Scorsese lá, assim como clássicos como Casablanca, Some Like It Hot, Breathless, The Red Shoes, e Badlands.

Mas Spike Lee também mostra seu lado mais curioso e criativo. Por exemplo, sua inclusão de Apocalypto de Mel Gibson foi a primeira coisa que realmente me surpreendeu (talvez apenas uma reação impensada?) Mas ele também incluiu District 9 e Kung Fu Hustle – eu só estou surpreso com District 9 porque é tão contemporâneo, mas Kung Fu Hustle? Eu não sou ninguém para julgar um filme pela sua capa, mas se eu não tivesse olhado a classificação do filme no Rotten Tomatoes, eu teria pensado que Spike estava começando a ficar desinteressante.

Confira este vídeo para ouvir a lista de filmes do próprio Lee.Spike-Lees-ListSpike-Lees-List_02

O que é um filme para Spike Lee

Certamente, a maioria de nós entrou neste negócio (ou ainda estamos tentando) porque amamos filme, e nós amamos o que ele faz para nós mentalmente, psicologicamente e emocionalmente. Eles já acenderam a nossa criatividade de maneiras que nada mais faz, mas os filmes também têm o poder de inflamar a mudança social, algo que Spike Lee sabe em primeira mão.

“O meio de cinema e televisão é muito poderoso. Uma vez que você o respeitar e não brincar com ele, você poderia definitivamente influenciar a forma como as pessoas pensam -. E que poderia ser bom e ruim.”

Seus filmes, incluindo Do The Right Thing, Malcolm X, e She’s Gotta Have It, influenciaram audiências e cineastas em uma infinidade de maneiras, inclusive com seus retratos dos afro-americanos na tela, abrindo um diálogo sobre a vida no interior da cidade , bem como abordar questões importantes que cercam raça e etnia na América. Eles tiveram um impacto tão enorme na sociedade, que, na verdade, muitas agências de notícias temiam que Do the Right Thing iria incitar tumultos.

Então, se você está fazendo filmes para entreter, expressar, ou inspirar a mudança, eu acho que todos nós podemos aprender com a lição que impactou Spike Lee tanto profissionalmente como pessoalmente – quando Kurosawa disse a um jornalista que existe um “universo do cinema” ainda para aprender. As lições que o cinema tem para oferecer a você são tão expansivas quanto a sua imaginação, paixão e curiosidade permitir que elas sejam.

O que filmes significa para você? Deixe-nos saber nos comentários abaixo!

Comentários

comentários

Post anterior

Desvalorização da Fotografia - Quem são os culpados?

Próximo post

Dicas de como fazer lindas fotos de casal