Coisas que os fotógrafos podem fazer durante o surto de coronavírus.

Coisas que os fotógrafos podem fazer durante o surto de coronavírus.

Se você está em quarentena por conta do coronavírus ou está simplesmente procurando algo que pode fazer quando não pode sair de casa, aqui estão dicas que podem ajudar a ocupar o tempo de um fotógrafo.

Não desejo minimizar a seriedade do coronavírus e os efeitos que ele está causando na vida de todos, mas parece sensato fazer algo produtivo com o nosso tempo, se não sairmos da mesma maneira que de costume, seja porque precisa se auto-isolar ou evitar visitar pessoas mais velhas para não espalhar infecções. Percebi que talvez não fosse a única pessoa com o estranho espaço vazio na agenda.

Enfim, comecei a pensar sobre o que fazer para evitar passar muito tempo assistindo TV … Aqui está nossa lista de sugestões para ocupar um pouco de tempo.

Experimente algo novo

Coisas que os fotógrafos podem fazer durante o surto de coronavírus.
Observe que o primeiro plano e o plano de fundo em partes são muito embaçados, embora à mesma distância de uma das áreas agudas das patas da aranha. – Maxwuel Rocha

Por que não tentar uma daquelas técnicas demoradas e possivelmente difíceis que você ouve falar há anos? Por exemplo, você provavelmente já ouviu falar de empilhamento de foco e se esquivou da ideia por estar sem tempo. Adivinha? Agora você tem tempo.

De maneira muito simples, o empilhamento de foco envolve o uso da câmera digital em um tripé e a captura de uma série de imagens de um objeto, com o foco ajustado manualmente para que cada um tenha uma fatia diferente da imagem, e combinando-os no software para formar uma única imagem nítida da frente para trás. Na verdade, é até simples.

O Photoshop inclui um recurso para fazer isso, e também existe um software especializado.

  • Resumidamente, abra todas as imagens de uma vez no PS, usando Arquivo / Scripts / Carregar na pilha. Em seguida, use Editar / Alinhar automaticamente, seguido de Editar / Mistura automática.

Isso deve fornecer um arquivo bastante grande, com áreas muito nítidas – e talvez algumas inesperadas, também. O exemplo aqui é a minha segunda tentativa de empilhamento de foco e claramente há espaço para melhorias. Ou você pode tentar várias exposições, exposições longas para obter movimento ou um novo tipo de processamento…

Qualquer coisa assim provavelmente precisará de um pouco de prática para acertar: por isso é ideal por enquanto apenas tentar. E então, quando você realmente precisar usar a técnica, saberá que ela funciona e terá uma boa idéia de como a fez. Não há nada pior do que aprender a fazer algo quando você realmente precisa fazê-lo funcionar!

Entre em uma competição

Coisas que os fotógrafos podem fazer durante o surto de coronavírus.
Foto vencedora do último BigPicture Natural World por Audun Rikardsen

Existem inúmeras competições on-line de fotos e nem todas têm taxa de inscrição. Me disseram, por pessoas que são mais metódicas do que eu, que existem muitas competições se você as procurar.

Veja todos os sites ou blogs fotográficos – haverá competições com bastante regularidade, com prêmios a partir de um mês de assinatura gratuita. Se você está preparado para pagar uma taxa de inscrição, os prêmios aumentam, mas, na minha opinião, muitas delas são excessivas, exceto para pessoas que têm quase certeza de serem candidatos sérios. Mas não pesquisei isso em detalhes – normalmente não sou uma pessoa de competições.

Talvez o ponto principal seja que ter um objetivo específico possa lhe dar um propósito e um motivo para fazer as coisas – mesmo que, no final, você não envie a foto com uma taxa.

Leia um livro

Coisas que os fotógrafos podem fazer durante o surto de coronavírus.
Imagem retirada do livro 70 Anos De História Na Fotografia

Foi um presente de Natal que você deixou de lado para mais tarde, ou algo que você pegou e nunca fez progresso? De qualquer forma, a maioria das pessoas tem, suspeito que tenha alguma literatura fotográfica que não tenha examinado corretamente – eu mesmo sei que tenho!

Veja todas as imagens de um livro (eu tenho uma cópia do ‘Nude‘ de Ralph Gibson – todas as novas idéias que eu tentei há anos já estão lá, executadas de maneira soberba … Poderia haver mais livros encorajadores para examinar! Ou leia sobre aberração cromática.

Experimente um dos excelente livro sobre a História da Fotografia, para realmente entender a como tudo começou ou tente um clássico como On Photography. Há um mundo de fundo fascinante no que você faz com sua câmera fotográfica.

Como último recurso, dê uma olhada no manual da câmera – você poderá encontrar uma ou duas novas funções lá que você não sabia que tinha e com quem deseja brincar!

Pesquise sobre um fotógrafo favorito

Na verdade, não precisa ser o favorito: apenas observe um ou dois dos nomes mencionados por outras pessoas em seus posts e comentários, ou em conversas. Alguns fotógrafos são tão conhecidos que não nos importamos em olhar para o trabalho deles porque “sabemos” como ele é: e outros são ilusórios porque não se tornaram tão famosos que foram documentados, e tiveram um perfil mais baixo desde o advento da internet …

Coisas que os fotógrafos podem fazer durante o surto de coronavírus.
Wirehair by David Penprase 

Para um dos meus heróis pessoais, tente procurar David Penprase e, possivelmente, localize uma cópia em segunda mão de um de seus livros…

Pode ser um exercício de cinco minutos ou pode se tornar uma obsessão de anos se você encontrar (por exemplo) um fotógrafo pouco conhecido que trabalhou em uma área limitada e não procurou publicidade e ficou fascinado.

Limpe sua bolsa, câmera e lentes.

Coisas que os fotógrafos podem fazer durante o surto de coronavírus.

Existem algumas coisas nessa lista que realmente deveriamos fazer. Não apenas limpe os elementos frontais das lentes intercambiáveis com kit de limpeza, panos de microfibra adequados ou algodão macio e um limpador adequado (tenho que admitir o uso de Listerine original e um lenço de algodão macio nos últimos 40 anos: informe-me se há uma boa razão para isso ser uma ideia estúpida!), mas também atacar cantos e recantos dos corpos das câmeras com um cotonete um pouco úmido e esvaziar a bolsa de câmeras para aspirar a poeira do fundo.

Brinque com suas lentes

Coisas que os fotógrafos podem fazer durante o surto de coronavírus.

Fora da própria zona de conforto, há opções para usar essa lente longa que você normalmente usa para shows aéreos, esportes ou corridas de automóveis. Em vez disso, sente-se junto à janela (ou no jardim, se o tempo estiver bom) e coloque a lente em um tripé apontando para algum lugar em que os pássaros possam pousar. Pode ser um alimentador de pássaros ou um galho: mas também pode ser o teto de galpão.

A questão é que talvez você não precise ir muito longe para encontrar objetos fotográficos que irão aumentar suas habilidades…

Se você sentir-se à vontade, poste uma foto no Instagram e nos marque; @emaniaoficial ou use a hashtag #BlogeMania – iremos repostar sua imagem em nossos Story’s.

Resumindo

Existem muitas pessoas aglomeradas em pequenas áreas e isso deveria mudar por enquanto – também temos um sistema de saúde pública gratuito que pode ser necessário nesses momentos, mas esse sistema deve ser usado com cautela para evitar mais contágio e superlotação. Temos muita sorte mesmo, mas não devemos nos descuidar.

Os principais sintomas do Coronavírus (Covid-19) são febre, tosse e dificuldade de respirar. De acordo com a OMS, alguns pacientes podem ter dorescongestão nasalcorizador de garganta ou diarreia. Se sentir esses sintomas procure um médico

Em todo o mundo, as pessoas enfrentarão as mesmas incógnitas, os mesmos riscos. Minha esperança é que todos consigamos enfrentar os problemas com calma e lógica, e – diante do perigo claro e presente, vamos nos manter ocupados quando estivermos em casa, bem como fazer o que pudermos para os nossos familiares, amigos e vizinhos. Lembre-se de lavar as mãos e evitar aglomerações.