Fotografia Lunar Para Iniciantes
Crédito: Imagem de Pexels por Pixabay.

Fotografia Lunar Para Iniciantes

A lua é um alvo atraente para os fotógrafos, pois proporciona imagens belíssimas para serem registradas. No decorrer do tempo, imagens incríveis são reveladas a partir das constantes fases lunares; esses estágios nos proporcionam diversas chances de capturá-los. Fotografar fotos interessantes da lua requer prática. Você pode começar experimentando o equipamento que você já possui – seja um celular, uma Câmera Digital, uma câmera de filme ou até mesmo um telescópio. O importante é praticar a fotografia lunar no intuito de aprender e aprimorar as técnicas necessárias para realizar essa atividade.

Você precisará desenvolver uma boa noção das configurações que funcionam melhor com o equipamento que você tiver em mãos. É importante lembrar que essas configurações variam de acordo com os fatores relacionados à sua câmera e ao tipo de imagem que você deseja obter. Se você não faz ideia de como adquirir o conhecimento e as habilidades necessárias para entrar no universo da fotografia lunar, vamos te contar o segredo: tente e tente de novo! Provavelmente as suas fotos iniciais não terão o resultado que você espera alcançar, mas é através do método de tentativa e erro que você irá alcançar o nível essencial de experiência para crescer em sua carreira.

Fotografia Lunar Para Iniciantes
Crédito: Imagem de graham5399 por Pixabay.

Fotografando com Celular

Primeiramente, encontre algo que sirva para estabilizar o seu celular – caso você não tenha um tripé, apoie o seu aparelho telefônico em algo estável. Em seguida, atente-se para a composição da cena que será fotografada. Você pode colocar objetos em primeiro plano para enquadrar a lua, adicionando-os ao design da foto, ou fornecer detalhes que adicionem significados ao contexto que você irá retratar. Em relação às questões técnicas, uma boa dica é focar a câmera na lua e diminuir o brilho da imagem para evitar a superexposição de sua fotografia – esse método fará com que a lua pareça cinza ao invés de branca. Se em seu celular houver recursos lunares para fotografar, utilize-os para descobrir se a eficácia deles. 

Use um temporizador de fotos, caso você tenha essa opção, para evitar  que você precise tocar ou empurrar o seu telefone na hora de capturar as imagens. Você pode optar por fotografar a lua durante um período em que ela não esteja mais brilhante do que o céu, como no crepúsculo ou no amanhecer, para que a câmera do seu telefone possa lidar com menos contraste. Outra alternativa é tentar registrar imagens da lua enquanto ela se eleva no horizonte, momento em que tende a parecer maior que o comum. O que irá determinar se o zoom será útil ou não será a capacidade do seu celular e as ferramentas que ele possui. 

Fotografia Lunar Para Iniciantes
Crédito: Imagem de Bruno /Germany por Pixabay.

Alguns aparelhos possuem um zoom óptico autêntico, já outros possuem zoom digital e fazem um recorte do enquadramento – é algo que você pode fazer no pós-processamento das fotos. Experimente o zoom  do seu aparelho telefônico para determinar se ele irá ou não atingir uma resolução melhor de sua fotografia lunar. Se nas configurações da câmera do seu celular você tiver acesso a ferramentas como ISO ou abertura do diafragma, ajuste o ISO para um valor mais baixo e utilize uma abertura mais ampla. Você também pode testar a velocidade do obturador para garantir que a lua seja exposta da forma correta – comece com uma velocidade rápida e vá diminuindo conforme a necessidade.

Fotografia Lunar Para Iniciantes
Crédito: Imagem de Pexels por Pixabay.

Câmera Digital ou Filmadora

Uma câmera oferece muito mais opções do que um telefone; através dela você encontra diversas opções de configurações para treinar e compor a sua foto da melhor maneira. Uma Câmera DSLR pode ser bem útil e lhe dará a chance de capturar imagens com qualidade profissional – para isso, você precisará conhecer as ferramentas do seu equipamento e experimentar diferentes ajustes. Se possível, configure suas imagens para o modo RAW, pois irá lhe ajudar a editar as suas fotografias posteriormente. Mas, antes de tudo, defina um objetivo para as suas fotos; depois, comece a fazer testes com sua Câmera Fotográfica e coloque-a no modo manual. Não tenha medo de alterar as configurações se seu equipamento, elas estão ali para lhe proporcionar diversos modos de fotografar com qualidade.

As três principais ferramentas que você precisará se preocupar são: a abertura do obturador (f-stop), que permite a entrada da luz na câmera; a velocidade do obturador, o tempo permitido para a luz entrar na câmera; e o ISO, a sensibilidade da câmera à luz – existem várias opções a partir dessas três configurações. Não existe um conjunto de instruções perfeito que resultará automaticamente em uma ótima imagem da Lua. As variáveis ​​incluem sua câmera, as condições do céu, que tipo de imagem você está tentando capturar e o quanto você pratica. Portanto, você precisa tentar e tentar de novo! Faça vários registros e analise o resultado de suas imagens; em seguida, ajuste as configurações de sua câmera e teste novamente. É nesse jogo de tentativa e erro que consiste a fotografia lunar e, através disso, você aprenderá novos conceitos e desenvolverá suas habilidades.

Fotografia Lunar Para Iniciantes
Crédito: Imagem de pen_ash por Pixabay.

Utilizando o Telescópio

Se você escolher utilizar um telescópio, suas opções irão se expandir. Através desse equipamento você pode capturar características específicas da lua – de montanhas a crateras. Sua composição fotográfica será a própria lua, livre de estruturas terrestres, porém acompanhada por estrelas e por planetas (se estiverem próximos). O telescópio possui uma ocular de alta potência, permitindo que a lua saia rápido do campo de visão em até 30 segundos. Algumas pessoas conseguem tirar uma fotografia lunar mirando diretamente no centro do cano (perto da ocular) – para isso é preciso ter mãos firmes ou, até mesmo, um pouco de sorte.

Você também tem a opção de investir em um adaptador que mantenha o seu celular ou sua câmera leve na posição que você deseja. Adquirir um pouco mais de equipamento lhe dará a chance de tentar a fotografia de foco principal, que funciona da seguinte forma: o corpo de uma Câmera DSLR se conecta diretamente ao tubo do telescópio, utilizando-o como Lente da Câmera. Você irá precisar de um anel em T (que se encaixa na câmera onde a lente está instalada) e de um adaptador em T de foco principal (que se encaixa na extremidade do tubo do telescópio e usa o anel em T para prender a câmera). Coloque sua câmera no modo manual. Em vez de usar sua câmera para focar, você usará os botões de foco do telescópio. 

Fotografia Lunar Para Iniciantes
Crédito: Imagem de Ponciano por Pixabay.

A abertura de um telescópio é fixa e geralmente mencionada como parte de sua descrição abreviada. Um “refrator 85 mm f / 7”, por exemplo, é um telescópio com uma Lente Fotográfica de 85 mm de diâmetro e uma distância focal 7 vezes maior (ou cerca de 600 mm). A Velocidade do Obturador e a Sensibilidade ISO são as configurações que a câmera pode controlar. Se sua câmera tiver um modo de visualização ao vivo, isso tornará o foco e a composição mais fáceis, além de impedir que o mecanismo de espelho dentro da câmera mova ligeiramente o equipamento quando você tirar a foto. Você deve ativar o modo ao vivo ou usar a opção “bloqueio de espelho”, se disponível, para evitar a vibração interna.

SOBRE NÓS

O Blog eMania é voltado para o segmento fotográfico, filmagem e cinema. Trazemos dicas de equipamentos, tutoriais, notícias, curiosidade, reviews e comparações de produtos para facilitar a vida do fotógrafo e cinegrafista profissional e amador.

[site_social_icons]