O triste relato fotográfico da guerra Rússia – Ucrânia

0 253
Tempo de leitura: < 1 minuto

Apesar da inegável evolução tecnológica proporcionada pela humanidade ao longo das décadas, o espaço de relatos fotográficos ainda pode ser considerado como de enorme importância em eventos de grande escala. Mesmo que eles se tratem de uma situação triste como a guerra Rússia – Ucrânia, efetivamente iniciada no último dia 24 de fevereiro com a investida russa.

Dentro desse contexto, apesar do trabalho exaustivo de repórteres e apresentadores dos mais diferentes veículos de comunicação (sejam eles de meios tradicionais ou exclusivamente digitais), o papel exercido pelos fotógrafos traz um complemento necessário para o dimensionamento do fato. Em muito porque, independente da capacidade de absorver as informações, a visualização do cenário devastador através dos cliques de uma câmera causam o impacto que não apenas choca, mas também traz diversas pessoas a realidade.

o-triste-relato-fotografico-da-guerra-russia-ucrania-Blog-eMania-14-03-3
Getty Images/Sean Gallup

Pensando nesse contexto, o Blog eMania traz abaixo algumas imagens feitas por diversos profissionais em momentos distintos do conflito que já acumula números alarmantes segundo a agência de notícias Reuters. Seriam quase três milhões de pessoas desalojadas (inclusas aqui as que conseguiram fugir para outro país da Europa), 15 mil mortes e um prejuízo material que chegaria a casa dos 119 bilhões de dólares. Quantia essa que, na conversão atual, equivale a R$ 602 bilhões.

No caso específico de mortes referentes a russos e ucranianos, existe uma divergência de dados por parte de Moscou, fontes relacionadas a inteligência americana e também o governo da Ucrânia. Enquanto a estimativa feita por Kiev dá conta de 1,3 mil soldados mortos, a capital da Rússia aponta apenas 500 mortes de militares da força russa. Porém, os americanos calculam que as perdas são maiores, circulando entre dois até quatro mil soldados.

Confira outras imagens da guerra Rússia – Ucrânia

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceito Política de Privacidade