Home»Dicas de Fotografia»Vale a pena liberar minhas fotos como Creative Commons?

Vale a pena liberar minhas fotos como Creative Commons?

eMania https://blog.emania.com.br/content/uploads/2015/05/logotipo.png
eMania
2
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Já ouviu falar em fotos Creative Commons? É uma forma de divulgar seu trabalho e permitir que outras pessoas utilizem suas imagens.

Mas será que é uma boa ideia para fotógrafos? Essa é uma pergunta muito comum e faz todo o sentido. Afinal, liberar imagens gratuitamente sendo que você dedicou tempo e recursos para registra-las não é uma decisão tão fácil.

Mas, o mundo está cada vez mais colaborativo. Basta olhar para as novidades na internet que estimulam esse tipo de relação (redes sociais, ferramentas gratuitas, softwares, aplicativos, etc.).

E mesmo que você não acredite, as pessoas sabem valorizar uma boa ação e mais, um bom trabalho.

Portanto, veja neste post o que é Creative Commons, quais as vantagens de liberar suas fotos nessa licença e descubra como distribuir suas imagens dessa forma. Confira essas dicas e elimine essa dúvida, de uma vez por todas!

O que é Creative Commons?

Creative Commons é uma forma de compartilhar o seu trabalho na internet e permitir que outras pessoas o utilizem, com algumas regrinhas. Na prática você permite que suas fotos sejam reaproveitadas, modificadas e utilizadas por outras pessoas.

Ao contrário do Copyright, todos os direitos reservados, o “CC“ deseja compartilhar mais informação útil na internet e dar mais visibilidade aos trabalhos criativos.

A melhor parte é que você decide qual o tipo de licença, ou seja: se a pessoa deve linkar para a fonte original, se pode modificar a foto, se pode usar comercialmente e etc. Veja todos os detalhes desse modelo de licença no Wikipedia.

Quais as vantagens para o fotógrafo?

A maior pergunta, foco deste post, é se vale a pena para o profissional de fotografia liberar suas imagens em Creative Commons, ou não.

Na verdade, depende do objetivo de suas imagens e de seu ponto de vista em relação a esse tema. No entanto, do ponto de vista estratégico e de marketing, vale muito a pena ter suas imagens utilizadas na web.

Veja alguns benefícios que essa prática pode trazer, direta ou indiretamente, para seu negócio de fotografia.

Divulgar seu trabalho gratuitamente
Vale a pena liberar minhas fotos como Creative Commons?

A primeira e mais óbvia vantagem é divulgar o seu trabalho de forma gratuita. Imagine que 1.000 sites estejam usando as suas imagens Creative Commons e todos linkando para seu site ou portfólio.

É um marketing espontâneo e gratuito que seu serviço como fotógrafo ganha. E propaganda de graça nunca é demais, não é mesmo?

Nesse caso, basta que você exija que seja inserido um link da fonte da imagem como para seu site, portfólio, links das redes sociais, entre outros. Assim, as pessoas que visualizarem essas fotos, podem chegar até você de algum modo.

Aproveitar imagens encalhadas em seu HD

Como fotógrafo pegamos o hábito de fotografar tudo e a todo o momento. Não há nada de errado com isso, pelo contrário. A prática constante é que nos leva à perfeição, como já dizia o ditado antigo.

No entanto, isso rende uma infinidade de imagens sem uso nenhum em nossos Pen-drives, cartões de memória e HDs externos. Alguns profissionais chegam a colecionar milhares de fotos facilmente e não possuem nenhuma utilidade para elas.

Que tal colocar essas fotos a disposição na internet como Creative Commons e usá-las para ganhar alguma visibilidade como fotógrafo? Com certeza elas serão mais úteis do que se ficarem apenas ocupando espaço em seu computador.

Criar autoridade na fotografia

Outra utilidade das fotos em Creative Commons é se tornar autoridade em determinado nicho da fotografia. Já pensou ser o fotógrafo de casamentos mais conhecido de sua região, ou quem sabe de outro estilo fotográfico?

Pode ter certeza que seu trabalho (fotos) chegará aos lugares muito antes que você e vai apresentá-lo muito melhor que qualquer apresentação de venda. Então, que tal colocar as suas fotos para trabalhar no seu lugar e começar a construir sua autoridade?

Atrair novos clientes

Por fim, mas não menos importante, todos os benefícios que vimos até agora podem ser traduzidos nesse tópico: a atração de clientes.

Quanto mais visibilidade e autoridade você ganha, mais clientes atrai para seu estúdio fotográfico, ou mesmo para seus serviços como freelancer. Isso se traduz em mais dinheiro entrando na sua conta, seja para viver completamente de fotografia ou completar a renda do mês.

Logo, é uma excelente estratégia para ganhar visibilidade e atrair interessados em seu trabalho. E se for iniciante, aproveita para treinar suas habilidades fotográficas também.

Como liberar suas fotos em Creative Commons?
Vale a pena liberar minhas fotos como Creative Commons?

Agora que você viu as vantagens de fotos Creative Commons para fotógrafos, a próxima etapa é descobrir como fazer isso.

Veja três formas simples, baratas e até de graça para liberar suas fotos e colocá-las para trabalhar por você. Confira!

Redes sociais

Redes sociais como o Instagram, Flickr e Pinterest são ótimos para esse fim. Eles permitem que você compartilhe suas imagens, defina o tipo de licença e ganhe uma visibilidade realmente muito grande.

Além disso, você não paga nada para começar a usá-los e tem outras ferramentas que podem ser muitos úteis em seu dia a dia como fotógrafo: Exemplos: chats para conversar com clientes, interação para saber se as pessoas gostam das suas fotos, seguidores para criar uma audiência, etc.

Bancos de fotos

A segunda opção para compartilhar suas fotos em Creative Commons é através dos bancos de fotos, e já falamos algumas vezes deles aqui no blog.

Esses sites são especializados na distribuição das imagens e até na venda dessas fotografias. Então você pode liberar suas fotos gratuitamente, ou cobrar um determinado valor por elas e fazer uma renda extra.

Independente se pretende cobrar pelo uso ou não das fotos, é bem melhor que deixa-las encalhadas no computador, não acha?

Site ou portfólio

A última forma é criar o seu próprio site ou um portfólio de fotografia. Basicamente são páginas na internet específicas para divulgar o seu trabalho e que você tem total controle.

O melhor de tudo é que é mais fácil de uma pessoa entrar em contato com você por essas ferramentas do que em outros canais. Se ela gostar muito das suas fotos pode entrar em contato para orçar serviços fotográficos e até fechar um projeto específico.

E aí, vai compartilhar suas fotos em Creative Commons ou não? Compartilhe a sua decisão abaixo e deixe o link de seu portfólio também. Novos clientes podem surgir através disso, aproveite!

Comente

Post anterior

Bolha de lava gigante é captada em fotografia de paisagem

Próximo post

Fotógrafo pode ser MEI (Micro Empreendedor Individual) e como se formalizar?

O Autor

Nizar Escandar

Nizar Escandar

Editor Chefe do Blog eMania