Home»Artigos de Foto e Video»A nova Sony A7s é usada para filmar um interessante curta-metragem

A nova Sony A7s é usada para filmar um interessante curta-metragem

1
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Desde seu lançamento no ano passado a Câmera Sony A7s  mostrou a que viria com uma sensibilidade estratosférica – atingindo um ISO máximo de mais de 400.000 – e uma qualidade de imagem extremamente aguçada. Muitos fotógrafos, obviamente, viram quase de imediato as incríveis possibilidades para fotos com esse nível de sensibilidade. Fotos no escuro viraram realmente uma possibilidade e não um apenas uma dor de cabeça para fotógrafos amadores e profissionais.

Porém não foram apenas os fotógrafos que se entusiasmaram com as diversas opções que a Câmera Sony A7s, tanto em termos de fotografia quanto em termos de filmagem. Muitos cineastas e diretores de fotografia do mundo inteiro tem se interessado pela qualidade das imagens nos testes das variadas opções de gravação desta câmera (desde básico até 4K) que prometeu revolucionar a vida daqueles que são aficionados por imagens.

Já em 2014 apareceu no YouTube e Vimeo alguns testes que foram feitos com o modo de gravação da Sony A7s. Entre muito do que foi falado o que mais interessou na Câmera Sony A7s é o fato que ela pode gravar em Full HD e também em 4K utilizado todo o potencial do alto nível de sensibilidade e outros qualidades dos sensores. Porém a opção de filmar em 4K só pode ser feita com a ajuda de um drive externo conectado com HDMI, o que pode gerar algum descontentamento entre os profissionais da área. Contudo as gravações com resoluções mais baixas podem ser gravadas internamente na própria câmera e ainda aproveitam tudo o que a Câmera Sony A7s pode oferecer em termos de sensibilidade e qualidade das imagens gravadas.

Câmera Sony A7s

Depois de fazer todos os testes com a Sony A7s só faltava uma prova real: um filme inteiro só com a luz da lua.

No ano passado, quase que imediatamente após o lançamento oficial da Sony A7s vários cineastas começaram a testar as possibilidades de filmar com pouca luz utilizando a sensibilidade alta da câmera. Entre todos os testes o mais interessante foi o que mostrou a capacidade da câmera em filmar apenas com a luz da lua como principal fonte de iluminação. Apesar de ser apenas teste e os vídeos não terem nenhum enredo o que vimos foi algumas qualidades impressionantes da imagem, apesar do alto ISO. E agora nós podemos ver como essa novidade tecnológica pode realmente ser aproveitada de forma criativa com um novo curta lançado no Vimeo recentemente.

Você pode ver este curta no final do post e avaliar por si próprio o resultado final. Muitas análises já foram feitas e obviamente o que gerou mais comentários foi a qualidade da imagem mesmo em um ambiente com pouca luz. Analisando apenas a parte técnica do filme algumas pessoas acharam que o resultado final das imagens ficou abaixo do esperado em termos de sensibilidade e profundidade de campo. Muitos provavelmente comentaram que as imagens tiveram ruídos e a qualidade um pouco aquém do que poderia ser esperado.

Contudo levando-se em consideração o aspecto criativo do filme podemos falar que o resultado foi no mínimo interessante. Este é um thriller Sci-fi o que fez com o que o aspecto das imagens realmente realçasse o contexto do filme. Obviamente a lua estava cheia e iluminando boa parte do céu para que esse filme funcionasse, mas ainda assim podemos ver alguma qualidade das imagens apesar de alguns ruídos principalmente quando filmavam o céu. Isto deixou o filme no mínimo com um ar diferente, quando não distorcido, e pode ter funcionado por causa da estória envolvida. O filme todo é composto de apenas uma cena que se desenvolve entre três personagens, o que facilita muito o trabalho do diretor de fotografia. De qualquer maneira, podemos ver um pouco das dificuldades e facilidades de fazer um filme com a Câmera Sony A7s e seu incrível ISO. Assim o ar quase etéreo que a filmagem com pouca luz concedeu ao curta funcionou para o conjunto da obra, pelo menos a meu ver.

REFUGE // A Moonlit Short Film from Sam Shapson on Vimeo.

Comentários

comentários

Post anterior

Bullet Time: A Tecnologia dos Cinemas em Seu Smartphone

Próximo post

Governo russo faz campanha de prevenção a selfie "perigosa"