Home»Artigos de Foto e Vídeo»CHARTS: “GRAY CARD / GRAY SCALE” – O CARTÃO DE CINZA E A ESCALA DE CINZA

CHARTS: “GRAY CARD / GRAY SCALE” – O CARTÃO DE CINZA E A ESCALA DE CINZA

eMania
9
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

No post de hoje eu vou falar de dois itens muito importantes, e que muita gente não dá o minimo valor, mas que ajuda o fotógrafo, o diretor de fotografia, o cinegrafista, o operador de câmera, o filmmaker, enfim todo profissional que trabalha com registros de imagens tanto analógicas como digitais. Ele são de um grande auxilio, principalmente para exposição da luz e ajustes do branco (white balance), eu estou me referindo da  “escala de cinza” (gray scale) e do cartão de cinza 18% (gray card).

 

escala de cinza

 

O Cartão de Cinza (Gray Card)

 

Cartões de Cinza 18% (Grey Cards) escala de cinza
Cartões de Cinza 18% (Grey Cards)

 

Quando nós estamos medindo a intensidade de uma determinada fonte de  luz de uma cena, com a finalidade de efetuar o ajuste correto ou o desejado da exposição, nós utilizamos um fotômetro que mede a luz incidente ou um Spot meter que mede a luz refletida. Hoje em dia todas câmeras fotográficas e câmeras de vídeo possuem fotômetros embutidos que medem a luz refletida. Mas se você se você se encontra numa situação de ter que corrigir a exposição de uma cena que é constituída por áreas claras e  escuras,  é possível que algumas tonalidades intermediárias não existam nesse cenário real, a maioria dos fotômetros produzira resultados insatisfatórios. Então neste caso você pode apontar a câmera, para uma área que contenha uma tonalidade média de cinza. Existe um tom de cinza que se refere a esta tonalidade média de 18% numa escala de tons que vai do branco absoluto ao preto absoluto.  Você pode utilizar um cartão de cinza 18% para fazer um fotometria por substituição, para obter uma melhor exposição da luz. É um método relativamente simples. Quando você estiver numa situação, por exemplo com uma área extremamente clara, aponte a lente de sua câmera para um cartão de cinza (médio) 18%, deixe em modo manual, considere a leitura do fotômetro e veja também a combinação de velocidade e abertura. Na realidade uma cena mediana não reflete 18% e sim 13% da luz que incide sobre ela.Quando você estiver utilizando um cartão de cinza 18% numa fotometragem, aumente 1/2 ponto na exposição (fator de compensação) para a maioria das situações, mas se você estiver numa situação que for muito clara diminua 1/2 ponto na exposição. Isso ajudará a conservar as texturas e os detalhes.

 

A Escala de Cinza (Gray Scale)

 

Escala de Cinza (Grayscale Chart)
Escala de Cinza (Grayscale Chart)

 

Uma escala de cinza (gray scale) possui graduações de valores de cinza, onde em um dos extremos é o branco total  (fora da área cinza) e no outro extremo o preto total ou preto profundo (fora da área cinza), em seu ponto médio a tonalidade existente será a do cinza que determina o valor da porcentagem de luz refletida por esta zona, conhecida como cinza médio ou neutro (neutral gray) 50%. Ela é muito utilizada para ajustes das cores pelo white balance (balanço do branco) das câmeras fotográficas e câmeras de vídeo, calibrar monitores de vídeo e computadores e estudar o sistema de zonas, que consiste em examinar a latitude e variação de luminosidade de uma determinada cena ou fotografia. Quando nós estamos focados na luminosidade ignorando a questão das cores, é possível utilizar uma escala de cinza (grey scale chart) em que cada tom existente na escala, representa o dobro de luminosidade em relação a tonalidade anterior, que funciona de uma forma logarítmica, onde o fotógrafo americano Ansel Adams definiu o seu sistema de zonas. Num próximo post eu vou esclarecer melhor sobre este sistema de zonas e a latitude de uma câmera e de uma imagem.

escala de cinza
Sistemas das Zonas ( Ansel Adams)

Confira na eMania – Foto e VideoCartão Cinza 3 em 1 para Balanço de Branco

Abraços a todos!

E espero que vocês tenham gostado, até o próximo post!

Fernando Rozzo

Post anterior

NX30: a Câmera para o entusiasta

Próximo post

Dicas para Melhorar sua Fotografia Digital