Home»Artigos de Foto e Vídeo»Confira a filmagem radical de um feito digno de Guinness Book

Confira a filmagem radical de um feito digno de Guinness Book

eMania https://blog.emania.com.br/content/uploads/2015/05/logotipo.png
eMania
2
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

O ser-humano tem um absoluto prazer em quebrar recordes. Desafiar a sua própria natureza e o ambiente a sua volta são quase que “passatempos” da humanidade. Sensação essa que, de tempos em tempos, são traduzidas muitas vezes com uma filmagem radical de tirar o fôlego!

Hoje mostraremos uma proeza que resistiu ao tempo (mais precisamente a dois anos) e continua presente no Guinness Book, o livro dos recordes, como o salto planejado sem paraquedas mais alto de todo o planeta. Quem teve a coragem de fazer isso e ainda ser protagonista de uma captação incrível das câmeras de ação? O especialista em aviação e paraquedismo Luke Aikins.

confira-a-filmagem-radical-de-um-feito-digno-de-guinness-book-eMania-1-21-08
Foto: Luke Aikins

Depois de passar praticamente toda a sua vida saltando (calcula-se pelo menos 18 mil saltos com para-quedas) e tendo experiências incríveis no ar, ele decidiu que era hora de dar “um passo a frente” no conceito radical. Para isso, ele passou os anos de 2014 e 2015 treinando para justamente conseguir ser o recordista mundial de salto sem o equipamento que ele tão bem conhecia.

Para evidentemente abrandar o peso de sua queda a uma altura de quase 8 mil metros, foi colocada uma rede de 30,5 x 30,5 metros com material chamado de Spectra. Extremamente resistente e capaz de evitar com que Luke transformasse sua tentativa em uma tragédia.

confira-a-filmagem-radical-de-um-feito-digno-de-guinness-book-eMania-2-21-08
Foto: Marti Smith

Tamanha era a confiança de que a filmagem radical seria de um feito digno de entrar no Guinness Book que a esposa de Luke, que sua esposa (também instrutora de voo) e o filho de apenas quatro anos de idade estavam no local acompanhando tudo de perto.

O resultado de todo o planejamento e incrível captação de imagens você vê a seguir:

Comente

Post anterior

Aprecie e respeite o esplendor da arte da fotografia

Próximo post

Fotografia da chuva como ponto de partida de exposição? É possível!

O Autor

Alberto Barbosa

Alberto Barbosa

Formado em jornalismo no ano de 2012 pelo Centro Universitário FIAM, atuou em diversos segmentos da comunicação como editoras e sites de conteúdo esportivo. Foi editor e repórter do Universo dos Sports e hoje é, além de freelancer, colaborador do Torcedores.com e também do blog eMania.