Home»Dicas de Fotografia»Tutorial: Como fotografar líquidos em movimento

Tutorial: Como fotografar líquidos em movimento

eMania
6
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Dessa vez, o tutorial é para que você possa se divertir um pouco mais fotografando. E nada mais divertido do que fotografar líquidos em movimentos, voando para todo lado, como naquelas propagandas de café, leite e refrigerante que nos deixam salivando. Existem várias maneiras de fazer isso, mas escolhemos uma bem interessante e cheia de truques. Então, vamos ao passo a passo de como fotografar líquidos em movimento!

Preparação

Uma das coisas que você precisará para fotografar líquidos em movimento é um fundo sólido e fixo, como uma placa de madeira. Tudo o que estiver na cena – como copos ou uma jarra por exemplo – precisa ser firmemente grudado nesse fundo. Perguntando o porquê? Simples. A única coisa que deve estar em movimento na foto é o líquido. Se outros elementos tombarem e caírem, o efeito estará arruinado. Um termos de equipamento fotográfico, vamos usar apenas o básico. Um tripé para câmera e um flash externo. Ah, os últimos dois elementos são essenciais: uma seringa sem agulha e um ajudante.

Organizando

Prepare então sua composição da cena, com o fundo e os elementos que escolheu. Você pode usar cola quente nessa preparação, para mantê-la perfeitamente estável. Deixe secar pelo tempo necessário, é claro. E aqui está o segredo que você provavelmente não esperava: esse “mini cenário” será colocado de ponta cabeça.

Para fazer isso, você pode encaixá-lo entre dois suportes razoavelmente altos, ou pendurá-lo no teto com pelo menos dois fios grossos de nylon. Há diversas outras maneiras de colocar o seu cenário invertido, ponha a sua criatividade em ação! Os pontos a considerar aqui são a altura e a estabilidade da peça que você construiu. Lembre-se: ela não pode balançar.

Fotografar líquidos em movimento

Iluminação

Você lembra do flash que mencionamos antes? Pois é, ajuste em modo RPT e baixa capacidade. A intenção é que você crie um pulso bem curto, que vai “congelar” o movimento do líquido na fotografia. Assim, para fotografar líquidos em movimento, basta 1/8 a 1/128 da capacidade do flash.

Se você quiser aprender mais sobre flashes, leia este nosso post: Flash Portátil: O Poder da luz no seu Bolso

Hora de fotografar

Encha a seringa com líquido e posicione seu ajudante embaixo do cenário que você montou (por isso, a altura precisava ser bem ajustada). Agora vem mais um segredo para fotografar líquidos em movimento. O seu ajudante espirra o líquido com a seringa (por exemplo, dentro do copo) de baixo para cima; a melhor maneira de conseguir bons efeitos é fazendo movimentos circulares com a mão. Enquanto isso, você tira as fotos. Repita esse procedimento várias vezes. Você vai precisar de mais de uma foto para conseguir o melhor resultado.

Fotografar líquidos em movimento

Finalizando

Tirou todas as fotos que você queria? Então descarregue os arquivos em seu computador. Para chegar ao resultado final, você precisará unir as fotos com melhores efeitos em uma só. Como o cenário era sempre o mesmo, e bem estável, isso será mais fácil (viu como essa preparação foi importante?).

Depois de um pouco de magia do Photoshop você terá uma bela foto – e provavelmente uma sala coberta de leite, café ou água. Mas a limpeza, assim como a diversão, também fazem parte do trabalho de um fotógrafo. Especialmente ao fotografar líquidos em movimento.

Se você quer aprender alguns truques com o Photoshop, confira também esse nosso tutorial sobre como criar a foto panorâmica perfeita.

Post anterior

Vai comprar uma câmera de ação? Saiba como escolher a sua!

Próximo post

A popularização das Câmeras Profissionais