Home»Artigos de Foto e Vídeo»No ES, empresa de fotografia de casamentos é acusada de aplicar golpes

No ES, empresa de fotografia de casamentos é acusada de aplicar golpes

eMania https://blog.emania.com.br/content/uploads/2015/05/logotipo.png
eMania
0
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Assim como em qualquer outro segmento profissional, existem profissionais de uma empresa de fotografia que demonstram compromisso na questão do atendimento e execução qualificada dos serviços bem como aquelas que apenas “aparentam” esse tipo de situação.

Um triste caso desse tipo de situação no aspecto negativo é o que vem acontecendo no estado do Espírito Santo onde uma companhia que se diz especializada em filmagem e fotografia de casamentos está sendo acusada de ser golpista.

Segundo o testemunho de mais de 20 casais que teriam sido lesados pela empresa em questão e que deram declarações ao portal de notícias G1, a prática consistia no que é classificado na lei como estelionato.

Após pagar pelos serviços, a empresa mandava um profissional freelancer para fazer o material com sua câmera e, além de não entregar nada em mãos no dia, os casais ficavam meses cobrando o conteúdo na íntegra prometido e jamais receberam.

Uma das pessoas que concordaram em se identificar na reportagem foi Pricila Freixo, de 31 anos, que se casou em agosto de 2018 e, até hoje, não teve acesso ao conteúdo fotográfico de seu matrimônio. Com isso, só tem registros desse momento tão especial graças aos aparelhos celulares dos presentes.

“Ela me entregou apenas as fotos do ensaio de pré-casamento. No dia do casamento ela disse que não poderia ir e enviou um profissional freelancer, que nem recebeu pelo serviço prestado. Ela enganou até o freelancer que enviou. No fim, para não ficar sem as fotos, tive que pagar o freelancer e ele me entregou algumas, mas sem edição. Depois cheguei a mandar mensagem para ela e ligar, mas não tive nenhum retorno. Ela ficou com meu dinheiro e não recebi meu álbum”, detalhou Pricila.

Segundo a apuração do portal responsável pela informação, a Polícia Civil do ES informou que já está fazendo as devidas apurações do caso e teria solicitado que todas as vítimas apresentem o maior número de comprovantes e documentos possíveis para auxiliar nas investigações.

Comente

Post anterior

Comparação: Mirrorless Sony A7III x Canon EOS RP

Próximo post

Lente Sony FE 24-70mm f/2.8 GM, um investimento que vale a pena!

O Autor

Alberto Barbosa

Alberto Barbosa

Formado em jornalismo no ano de 2012 pelo Centro Universitário FIAM, atuou em diversos segmentos da comunicação como editoras e sites de conteúdo esportivo. Foi editor e repórter do Universo dos Sports e hoje é, além de freelancer, Editor-Chefe do Futebol Latino e também do blog eMania.