Divisão de câmeras fotográficas da Olympus é vendida

Uma das empresas mais conhecidas do mercado fotográfico em todo o mundo, a Olympus tornou oficial nessa quarta-feira (24) que vendeu a sua divisão de câmeras fotográficas para o fundo de investimentos Japan Industries Partners (JIP).

O aspecto burocrático deverá ser concretizado somente no próximo dia 30 de setembro sabendo-se, por ora, que a ideia da nova proprietária da divisão é de que ela atue de maneira “mais compacta, eficiente e ágil” além do fato de que haverá uma mudança de nome para NewCo.

A medida vai ao encontro da tendência que já era apresentada pelo mercado mediante a informação da própria Olympus onde a companhia já havia aberto mão de atuar na Coreia do Sul, uma das nações com atuação mais intensa em produtos da área tecnológica.

Na oportunidade, A informação que foi publicada pelo jornal The Korea Times e corroborada pelo comunicado da Olympus presente na reportagem aponta que o negócio de câmeras fotográficas da marca no país não estava sendo lucrativo apesar “de esforços árduos para aumentar a lucratividade e eficiência do negócio de imagens” em território sul-coreano.

camera mirrorless olympus omd em10 II

Com isso, a japonesa que hoje atua de maneira mais próxima em produtos médicos interrompe o funcionamento no mercado fotográfico que ocorria desde o ano de 1936, batizada na época de Semi-Olympus I. Apesar do sucesso de outrora, as informações do mercado financeiro é de que a empresa já angariava prejuízos com a divisão de câmeras fotográficas há, pelo menos, três anos fiscais.