Home»Artigos de Foto e Vídeo»Quanto você está disposto a pagar pra fazer um filme?

Quanto você está disposto a pagar pra fazer um filme?

eMania https://blog.emania.com.br/content/uploads/2015/05/logotipo.png
eMania
1
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

O que você está disposto a pagar para fazer um filme?

Não estou falando de dinheiro aqui. É uma questão que não é falada quase o suficiente em nossa indústria – ou em qualquer setor competitivo em nossa economia global: o quanto você está disposto a sacrificar a fim de atingir o nível de sucesso que você quer? Ao que parece, a resposta a essa pergunta fica mais difícil de se fazer quanto maiores forem as demandas de ser bem sucedido e quanto maiores forem os sacrifícios  que você tem que fazer para obter sucesso. Porém para nós ajudar o jovem cineasta Simon Cade investiga este assunto no seu mais recente vídeo para o DSLR Guide.

Dar a vida pelo filmew_film

Quando muitos começam as suas jornadas d entro do mundo do filme e cinema, eles estão, normalmente, dispostos a fazer quase qualquer coisa para garantir o progresso de suas carreiras – e assim eles seguem com uma vida cheia de sacrifícios. Se você não está enfurnado em seu quarto, estudando um livro ou um filme meticulosamente, você provavelmente estará olhando para uma tela de computador pensando em como terminar um roteiro. É um pouco óbvio dizer que os seus relacionamentos mais íntimos – como a família e amigos – começaram a sofrer – ou até mesmo acabar. Você nunca estará disponível. Você nunca estará por perto.

Depois de um punhado de anos, você talvez até já tenha virado um workaholic distante, apaixonado por sua carreira fazendo filme. Tão apaixonado que poderia subir em um avião há qualquer momento que você deseja para uma “mudança de cenário criativo” ou apenas para trabalhar em um filme dos seus sonhos.

Porém depois de um tempo você poderá começar a achar muito mais difícil aceitar os sacrifícios impostos para que você consiga dedicar-se completamente aos seus esforços em sua carreira fazendo filme. Você tem outras responsabilidades. Você provavelmente tem uma família. Talvez até você tenha uma filha ou filho que vai te perguntar: “Posso ajudá-lo a trabalhar?”

Certamente muitos de vocês podem se relacionar a estas questões e muitas vezes se perguntam como equilibrar trabalho e vida doméstica, e pra falar a verdade – não há uma resposta clara. Algumas pessoas vão dizer, “Sacrifique tudo, porque as pessoas no topo chegam lá fazendo exatamente isso”, enquanto outros vão dizer: “Sim, mas essas estatuetas douradas e elogios não irão mantê-lo aquecido durante a noite.”

Viver uma vida fazendo filmes é difícil; ele exige muito de você. Então, a única coisa que podemos realmente fazer é tentar, em primeiro lugar, definir o equilíbrio que funciona para nós, e, em seguida, tomar as medidas para adquiri-lo. Talvez para você isso significa gastar menos tempo vegetando na frente da TV e mais tempo de trabalho –  ou talvez isso significa gastar mais tempo vegetando e menos tempo de trabalho. Talvez isso significa estabelecer tradições em casa que você se recusa a perder.

E se você for como muitos de nós que tentam fazer tudo ao mesmo tempo, eu tenho uma dica pra a gente: muito provavelmente nós não conseguimos fazer tudo ao mesmo tempo muito bem. Talvez eu não saiba muito, mas sei que temos limitações, e a gente até pode conseguir fazer um multitask – porém, talvez esse estilo de vida não seja o mais saudável ou eficiente.

Não estou falando aqui que há uma maneira certa ou errada de fazer viver. Não há uma e apenas uma maneira certa de viver essa bela vida que nós temos – todo mundo é diferente e tem diferentes prioridades. Se você é capaz de ser 100% dedicado à sua carreira cinematográfica, parabéns a você! Mas se você é como a maioria dos cineastas que têm famílias e amigos e outras responsabilidades, a luta é real, porém saber que outros estão lutando junto com você pode ajudá-lo enquanto você tenta encontrar o equilíbrio certo.

Além disso, você provavelmente deveria agradecer a seus amigos e família por te ajudar com suas travessuras com filme. Você deve fazer isso agora. Dê um grande abraço e diga a eles o quão importante eles foram para a sua jornada.filme

 

Post anterior

13 Dicas de Fotografia Newborn que Você Deveria Saber!

Próximo post

DJI anuncia nova câmera: Osmo

O Autor

Lucas Couto

Lucas Couto

Sou produtor de filmes independente e economista, com interesses em estudar a economia criativa e tudo que ela pode oferecer.