Home»Dicas de Fotografia»Três situações que conseguem deixar um fotógrafo furioso

Três situações que conseguem deixar um fotógrafo furioso

eMania https://blog.emania.com.br/content/uploads/2015/05/logotipo.png
eMania
3
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

A frase que costumamos ouvir cada vez mais na sociedade é a questão da intolerância e de como ela vem transformando o comportamento social em algo extremamente volátil, passível de uma mínima fagulha para reações desmedidas. Isso é parte do nosso noticiário dia após dia, nos deixando até de certa forma assustados com o mundo. Entretanto, mesmo que a nossa realidade não estivesse tão “sensível” quanto está, certamente a ocorrência de determinadas situações podem deixar um fotógrafo furioso hoje, amanhã e sempre.

Mesmo com todo o conteúdo disponível em materiais técnicos, cursos gratuitos ou não, de formação superior ou mesmo de questões técnicas, evolução dos equipamentos, ainda existe uma certa dificuldade em efetivamente conseguir delinear o trabalho do fotógrafo para quem necessariamente não aprecia a arte. É complicado e mais: Gera justamente as situações onde um fotógrafo furioso acaba até mesmo passando por uma pessoa desequilibrada ou mal-educada.

tres-situacoes-que-conseguem-deixar-um-fotografo-furioso-eMania-2-16-04

Quando, na verdade, alguns segundos de análise observando pelo prisma do profissional já seriam suficientes para entender que não é de todo um exagero caso alguma das situações a seguir motivem uma reação “atravessada” de um fotógrafo furioso:

-Barganhar preços amplamente menores do que o cobrado

É evidente que ninguém é obrigado a aceitar os valores propostos por um profissional e está absolutamente no seu direito de procurar o serviço de outro fotógrafo caso entenda ser necessário. Porém, fazer qualquer tipo de barganha menosprezando os anos de estudo, cursos e técnicas trabalhadas por essa pessoa é deixar um fotógrafo furioso e uma classe profissional inteira certamente bastante contrariada.

Profissão-de-fotógrafo-regulamentação-eMania-post-3-27-08.jpg

-Confundir amizade com negócios

No círculo de amizades, convidando para uma festa, um bate-papo descontraído, JAMAIS peça para o fotógrafo levar a sua câmera digital  e tire fotos “gratuitas” ou “sem compromisso”. Se não for uma situação onde o próprio profissional se ofereça para tal, você estará claramente interferindo no portfólio do mesmo ou até prejudicando a sua reputação, algo que certamente o transformará em um fotógrafo furioso assim que se der conta.

-Diminuir a capacidade do fotógrafo em razão do equipamento

Ninguém é ingênuo ou mesmo hipócrita para dizer que um fotógrafo consegue a mesma qualidade de trabalho com uma TekPik ou com uma câmera profissional de última geração. Mas nem por isso o trabalho desse profissional é somente apertar botões, mas sim analisar uma série de fatores os quais ele aprendeu em sus cursos de formação e edição que são, por muitas vezes, ignorados. Algo que, por razões óbvias, deixa um fotógrafo furioso.

tres-situacoes-que-conseguem-deixar-um-fotografo-furioso-eMania-1-16-04

Comente

Post anterior

Falsos fotojornalistas são denunciados por fotógrafo da Associated Press

Próximo post

Lente Sony FE 28mm f/2 (SEL28F20) - Review

O Autor

Alberto Barbosa

Alberto Barbosa

Formado em jornalismo no ano de 2012 pelo Centro Universitário FIAM, atuou em diversos segmentos da comunicação como editoras e sites de conteúdo esportivo. Foi editor e repórter do Universo dos Sports e hoje é, além de freelancer, Editor-Chefe do Futebol Latino e também do blog eMania.