Home»Dicas de Fotografia»40 Dicas Essenciais para sua Maquina Fotográfica Profissional

40 Dicas Essenciais para sua Maquina Fotográfica Profissional

eMania
34
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Muito se fala em dicas para melhorar a sua fotografia, isso é ótimo. Porém, para um fotografo profissional a maneira como cuida e opera a sua máquina fotográfica profissional também pode interferir no resultado das suas fotos.

Por esta razão, o Blog eMania reuniu 40 dicas essências para sua máquina fotográfica profissional. Tudo para melhorar os seus resultados e obter fotos maravilhosas, fique de olho!

1. Ajustes da câmera

Há poucas coisas piores do que tirar uma bela fotografia e pensar que é uma imagem deslumbrante, mas descobrir em seguida que a saturação e as configurações ISO da máquina fotográfica profissional não estavam configuradas corretamente e você perdeu o grande momento.

Evite isso, verificando e redefinindo, todas as suas configurações, sempre que necessário, antes de começar a tirar novas fotografias profissionais.

2. Cartão de memória
cartão micro sd - Maquina Fotográfica Profissional

Formatar ou apagar as fotos do cartão de memória de sua máquina fotográfica profissional? Estou certo que já fez essa pergunta antes, a resposta é extremamente simples. A formatação do cartão de memória remove todas as fotos e reescreve qualquer informação pertinente para a compatibilidade com a máquina fotográfica profissional.

Em quanto isso, você apenas apagar as fotos do cartão de memória não traz o mesmo resultado. Então, sempre formate seus cartões de memória para minimizar o risco de qualquer tipo de corrupção de dados.

3. Firmware

O firmware é o software interno de sua máquina fotográfica profissional, usado para o processamento das fotos e estabelecer uma série de parâmetros, até mesmo, controlar quais recursos estão disponíveis para você.

Verifique constantemente o site do fabricante de sua máquina fotográfica para garantir que o firmware esteja sempre atualizado.

4. Baterias da câmera

Acreditar que a bateria de sua máquina fotográfica profissional está totalmente carregada e ela realmente estar, tem uma grande diferença.

Evite surpresas quando for fazer novas fotografias certificando-se que a bateria está 100% carregada, além disso, pense em adquirir uma bateria reserva, se for necessário.

5. O tamanho da imagem
tamanho da imagem - Maquina Fotográfica Profissional

Na maioria das vezes você vai querer fotografar na resolução mais alta que a sua máquina fotográfica profissional pode oferecer, mas será que isso está certo?

Às vezes, reduzir a resolução pode ser mais indicado para você, não só caberão mais fotos em seu cartão de memória, como também irá acelerar a taxa de disparo da câmera. Em outras palavras, isso quer dizer a eliminação de atrasos em quanto a sua máquina fotográfica profissional limpa o buffer.

6. RAW, JPEG ou ambos?
raw x jpg - Maquina Fotográfica Profissional

Antes de optar por qualquer um desses formatos, você precisa entender quais as principais diferenças entre eles. E estas estão ligadas ao tipo de tratamento que pretende dar a fotografia final antes da impressão ou compartilhamento.

Se você pretende fazer qualquer manipulação ou retoque, fotografar em RAW é a melhor solução, graças à sua profundidade aumentada. No entanto, os arquivos RAW são maiores, o que leva mais tempo para ser processado pela máquina fotográfica profissional e necessitam de um pós processamento.

Os ficheiros JPEG, por outro lado, são processados pela máquina fotográfica instantaneamente, deste modo você pode imprimir ou compartilhá-los imediatamente, e você vai descobrir que a taxa de disparo também ficará muito mais rápida neste formato.

Entretanto, quando a velocidade e o tamanho dos ficheiros não são importantes, você pode fotografar em ambos os formatos. A maioria das máquinas fotográficas profissionais dá-lhe essa opção, e você pode decidir o que quer fazer quando está de volta em seu computador. Apenas certifique-se de carregar com você um cartão de memória extra.

7. Experimente

A fotografia não é uma ciência exata, a todo o momento estão sendo descobertas novas técnicas, equipamentos e acessórios para melhorar os resultados com sua máquina fotográfica profissional.

Por esta razão, testar as configurações de sua câmera profissional, novas lentes, ajustes de foco ou configurações ISO, é uma excelente maneira de conhecer o seu equipamento por completo e aproveitar os seus pontos fortes. Da mesma maneira, fazendo isso você pode descobrir novas formas de fotografar com resultados muito mais satisfatórios. Experimente!

8. Não economize em um tripé
tripeMaquina Fotográfica Profissional

Um bom tripé vale o seu peso em ouro, portanto, não fique tentado a comprar o mais barato do mercado. Apesar do baixo custo, na maioria das vezes, ele não vai durar muito tempo, ou não fará um bom trabalho.

Ao invés de comprar o primeiro tripé para sua máquina fotográfica profissional, preocupe-se em encontrar o mais indicado para o seu caso e de maior qualidade. Não se esqueça ainda, de carregar este acessório sempre com você!

9. Fotografe com as mãos livres
mãos livres - Maquina Fotográfica Profissional

Carregar um tripé com você a todo lugar, dedicar tempo para montá-lo e ajustar a sua máquina fotográfica profissional pode ser demorado demais e fazer com que você perca a oportunidade de uma boa foto.

De igual modo, algumas fotografias podem ser impossíveis de tirar com as mãos livres. Não existe uma regra especifica para quando deve, ou não, usar um tripé em suas fotografias. A melhor maneira de decidir isso é fotografar destas duas formas e ver, em qual delas, você consegue se sair melhor. A sua experiência é que conta aqui!

Se você não tem um tripé em mãos, ou simplesmente não quer comprar um, pode improvisar a maneira para deixar a sua máquina fotográfica profissional mais firme. Entre alguns exemplos mais comuns de se fazer isso, está encostar a câmera profissional na parede, ou usar de algum objeto por baixo do equipamento, como um saco de arroz ou feijão, por exemplo.

10. Nível horizontal

Ao fotografar paisagens, não há desculpa para não ter um nível horizontal. Mesmo a menor inclinação da câmera pode arruinar completamente a sua fotografia. Isso pode ser difícil de acertar apenas no olho, mas há uma abundância de técnicas e gadgets que você pode usar para garantir isso em suas fotografias.

Você pode usar de um nível para colocar em sua máquina fotográfica profissional, um app virtual inserido em sua câmera, ou ainda as linhas de grade.

11. Kit de fotografia
kit fotografia - Maquina Fotográfica Profissional

Parece óbvio, mas se você é um fotografo viajante tem de garantir que todos os equipamentos de seu kit de fotografia estejam a mão quando precisar.Certifique-se que todas as suas ferramentas estejam em bom estado e disponíveis para usar no momento de suas fotografias, caso contrário o seu trabalho pode se tornar complicado. Nunca esqueça que a sua máquina fotográfica profissional não faz todo o trabalho sozinha!

12. Foco automático ou manual?

É muito fácil tornar-se dependente do autofocus da sua máquina fotográfica profissional, afinal é muito mais fácil, contudo, em algumas situações a focagem manual é uma opção melhor.

O foco manual da câmera pode ser usado para fotografar em movimento rápido, como em uma pista de corrida, neste exemplo o foco automático pode demorar em ajustar corretamente e você perder a oportunidade perfeita para uma boa foto.

13. Qual ponto AF você deve usar?

As máquinas fotográficas profissionais possuem uma infinidade de pontos de AF para escolher, mas para a maioria das fotografias você vai usar apenas um, o foco central. Para usá-lo pressione levemente o botão do obturador para ajustar o foco, e quando for definido pela câmera tire a sua foto.

14. Comprar lentes
comprar lentes - Maquina Fotográfica Profissional

Uma lente ruim vai ser sempre uma lente ruim, não importa qual a máquina fotográfica profissional que vai usar. Portanto, antes de decidir comprar uma nova câmera digital SLR, pergunte-se se uma nova lente pode ser uma opção melhor.

Poucos pixels extras e características mais inteligentes podem parecer atraentes, mas, uma abertura mais rápida e qualidade óptica superior podem ajudar você a tirar melhores fotos com a câmera que já tem.

15. Lentes manuais

Existem milhares de lentes antigas que ainda podem ser usadas hoje em dia, o baixo custo delas justifica o investimento, é ainda uma excelente maneira para expandir o seu repertório de lentes fotográficas. Mas há um lado negativo.

Nem todas essas lentes possuem um bom desempenho e a única maneira de saber qual delas funciona é testando. Além disso, as configurações automáticas de sua máquina fotográfica profissional podem não funcionar corretamente.

Dito isto, existem algumas lentes fotográficas de foco manual que podem superar essas lentes antigas e ampliar a nitidez de suas fotografias.

16. Distância focal

As lentes com grande abertura dão a impressão de aumento da distância entre elementos próximos e distantes, enquanto comprimentos focais aparecem para comprimir essa perspectiva. Considere isso quando for enquadrar um objeto em sua imagem e use a distância focal que é melhor para a imagem, em vez de simplesmente escolher uma lente com comprimento focal que se encaixa em tudo.

17. Distância hiperfocal

Se você quer maximizar a profundidade de campo com sua máquina fotográfica profissional, então, defina o foco manual para distância hiperfocal, o ponto em que tudo, desde a metade da distância hiperfocal à infinidade aparece de forma nítida.

18. Display LCD
display maquina fotografica profissional - Maquina Fotográfica Profissional

A maioria dos visores ópticos não fornece uma cobertura de 100%, por isso, é fácil que os elementos não desejados apareçam sem querer em sua fotografia. A única maneira de ter certeza sobre o que sairá na imagem é verificar a tela LCD da sua máquina fotográfica profissional, ao invés da foto final. Se há alguma coisa desagradável estiver na moldura, basta ajustar a sua composição e fotografar novamente.

19. Tire mais fotos

Mesmo com objetos estáticos, considere disparar uma rajada de fotos usando o disparo contínuo de sua máquina fotográfica profissional. Algumas variações sutis na luz, como a movimentação das nuvens sobre uma paisagem, ou a mudança de expressão do personagem principal do retrato podem ser capturadas com isso.

Estes são exemplos de um “momento perfeito” que poderia ser desperdiçado se você tirar uma única foto, concorda? Então, use o disparo contínuo e selecione a melhor foto posteriormente.

20. Modos de exposição predefinidos

Os fotógrafos conservadores desaprovam, mas os modos de exposição predefinidos de sua máquina fotográfica profissional não devem ser desconsiderados inteiramente.

O modo ‘paisagem’ normalmente ajusta uma abertura pequena e impulsiona a saturação, enquanto o modo ‘retrato’ combina uma ampla abertura com cores mais suaves. Ambos podem ser usados ​​para além da sua finalidade, você só vai precisar de uma compreensão do que são os parâmetros predefinidos e a melhor forma para explorá-los.

21. Menu da câmera

Grosseiramente subestimado, o menu de sua máquina fotográfica profissional dá efetivamente a abertura e a velocidade do obturador em um pacote semi-automatizado. Se você quer uma abertura larga, simplesmente uma opção no menu da câmera poderá obtê-la. Você quer uma velocidade mais lenta? Basta alterar outra opção do menu e tudo estará resolvido.

22. Abertura ou velocidade do obturador?
velocidade do obturador - Maquina Fotográfica Profissional

Em poucas palavras, a abertura controla a profundidade de campo em uma imagem e os controles de velocidade do obturador, como o movimento é gravado. Não tem certeza de qual deles escolher? Decida qual destas duas coisas você deseja ter mais controle em sua fotografia e de prioridade para ela.

23. Gama dinâmica

Se você não sabe o alcance dinâmico do seu sensor, você não vai saber quando uma cena vai ultrapassá-lo e você vai perder realce ou detalhe de sombra. Há inúmeras maneiras de medir o alcance dinâmico, mas como DxO Labs testou muitas máquinas fotográficas profissionais, você pode sempre usar suas figuras como um guia. Visite www.dxomark.com para ver as especificações de seu equipamento.

24. Bracketing exposição

Você pode ser capaz de ajustar a exposição de uma imagem em seu software de edição, mas isso pode render alguns ruídos digitais, e se a foto estiver muito exposta pode ser impossível de recuperar. A maneira de evitar isso é configurar a exposição bracketing corretamente.

25. Leia o histograma
histograma - Maquina Fotográfica Profissional

Em quanto o “live view” de sua máquina fotográfica profissional traz um belo panorama de como ficará a foto, em ambientes diferentes essa perspectiva pode ficar distorcida. Em linhas gerais, ao olhar a tela LCD em um ambiente muito claro a imagem pode parecer um pouco escura demais, já em um local escuro ela pode parecer demasiadamente brilhante. O que de certo ponto não retrata a verdadeira condição da imagem. Seu olho pode estar sendo enganado!

O histograma é a única maneira de avaliar com precisão a exposição em uma máquina fotográfica profissional, e a principal coisa a evitar no momento do disparo é desviar os destaques e, menos graves, as sombras. Se o histograma atinge a borda direita da escala, pense em reduzir a exposição e disparar novamente.

26. Cuidado com o contraste

É muito mais fácil recuperar detalhes nas áreas de sombra do que disfarçar destaques de queimaduras, portanto, quando o contraste estiver elevado, regule a exposição para preservar os detalhes das fotos.

27. Spot meio tom

Enquanto o modo padrão de medição da sua máquina fotográfica profissional (aka Matrix ou matricial) irá lidar com a maioria das cenas, um padrão de medição parcial ou Spot, também pode ser inestimável quando você está fotografando em situações, na maior parte, brilhantes ou muito escuras.

Você pode usá-lo para fazer a leitura a partir de um meio-tom nas proximidades, como um pavimento ou grama.

28. Avaliar o contraste

Além de permitir que você de uma leitura mais precisa, você pode usar o medidor de ponta da sua máquina fotográfica profissional para determinar o contraste em uma cena. Tome uma leitura para a área mais brilhante da foto, e outra para a sombra mais profunda para determinar quantas paradas separam as duas leituras.

Se esta for superior a gama dinâmica da sua câmera, você vai ter que aceitar algum recorte nas sombras, destaques, ou ambos, ou considerar fotografar uma seqüência para uma foto HDR (High Dynamic Range).

29. Fotografia HDR
fotografia hdr - Maquina Fotográfica Profissional

Para determinar a gama de exposição para uma imagem HDR, tome spot leituras do medidor de destaques e sombras da cena, com a Prioridade de Abertura da máquina fotográfica profissional. Mude para manual, defina a abertura, e use suas leituras exatas como os pontos iniciais e finais de sua seqüência HDR.

Ajuste a velocidade do obturador em um tempo até que tenha coberto a faixa de exposição. As exposições podem ser combinadas em um software como o Photomatix.

30. Filtro ND

Você pode banir traços característicos de suas fotografias de paisagens, usando um Filtro de Lente graduado ND (densidade neutra) para equilibrar a exposição entre o céu e a terra. É melhor ter um conjunto de graduados ND com diferentes transições para que você esteja preparado para uma variedade de condições.

Como alternativa faça duas exposições, uma para o céu e outra para o primeiro plano, em seguida, misture-os em seu software de edição de foto.

31. Filtro ND sólido

Um filtro ND Sólido para a sua máquina fotográfica profissional é bom para estender a velocidade do obturador, mas eles podem ser usados ​​para controlar a abertura também. Um filtro ND três paradas lhe permite abrir a abertura (por três) para obter uma profundidade de campo, mesmo em condições mais brilhantes.

32. Polarizadores

O efeito de um filtro polarizador de lente é impossível recriar digitalmente, o que o torna a escolha número um para fotógrafos ao ar livre, especialmente, para reduzir os reflexos ou intensificar o céu azul. Não economize no preço, ou você vai se arrepender com a baixa qualidade.

33. Preto e branco: na câmara ou no computador?
foto preto e branco - Maquina Fotográfica Profissional

A menos que você saiba que deseja imprimir imagens em preto e branco do cartão de memória, é melhor filmar em cor e, em seguida, converter para mono posteriormente no seu software de edição de imagem, que vai oferecer muito mais controle do que sua máquina fotográfica profissional.

Entretanto, se decidir atirar em JPEGs preto e branco, não se esqueça: filtros vermelhos, laranjas e amarelos podem adicionar o drama a céus aborrecidos, enquanto um filtro laranja irá reduzir o aparecimento de sardas e manchas em retratos.

34. Balanço de branco

Porque eles são processados ​​na câmera, você vai querer obter a cor certa para arquivos JPEG no momento do disparo. Portanto, use as opções predefinidas da máquina fotográfica profissional (luz do dia, sombra, tungsténio, etc) em vez de confiar na opção automática.

Embora o balanço automático do branco é muitas vezes considerado um pouco básico, se você está gravando arquivos RAW não há nenhuma razão para escolher qualquer outra coisa, você pode definir o balanço de branco para quando processa suas imagens.

35. Balanço de branco errado

Deliberadamente definir o balanço de brancos errado pode adicionar um elenco de cor global para suas imagens, azul se você atirar na luz do dia com um balanço de branco tungstênio, e um laranja quente se você atirar sob iluminação de tungstênio com um balanço de branco Daylight. Ajuste sua máquina fotográfica profissional usando o nublado pré definido, que é projetado para aquecer cenas legais.

36. Flash da câmera
flashMaquina Fotográfica Profissional

O flash embutido em sua máquina fotográfica profissional é ótimo para levantar sombras, mas também pode ser usado para criar imagens muito dramáticas. Use o flash da sua câmara para compensação da exposição e reduza a exposição global para 1/2, em seguida, aumente a Compensação do Flash de exposição para +1/2 para equilibrar a exposição.

Algumas câmeras permitem que você ajuste a exposição para a luz ambiente sem afetar a exposição do flash, e neste caso você não precisará discar +1/2 para o flash. O resultado é uma fotografia incrível, onde seu personagem principal fica bem iluminado contra um fundo sutilmente escurecido.

37. Flash externo

Ter um flash externo com sua máquina fotográfica profissional irá transformar seus retratos, especialmente se você usar um flash dedicado que pode ser controlado sem fio pela câmera, e refletores para reduzir quaisquer sombras.

38. Gravar vídeo
video Maquina Fotográfica Profissional

As máquinas fotográficas profissionais DSLRs habilitadas para vídeo que usam um sensor CMOS utilizam um “rolling shutter“, o que pode causar alguns artefatos peculiares quando você gravar um vídeo. A conversão do vídeo expõe cada quadro individual em uma seqüência em linhas, começando no topo e trabalhando para baixo, semelhante à maneira como um scanner digitaliza um documento.

Se a câmera não se move enquanto isso está acontecendo, não há problema, mas se você estiver realizando imagens panorâmicas – particularmente na horizontal – as linhas em um único quadro podem ficar distorcidas.

Segurar na câmara fotográfica e usar lentes de telefoto pode exacerbar o efeito, portanto, use um tripé e / ou lentes com distâncias focais grande. As câmeras com um sensor CCD não são afetadas, pois usam um “obturador global” que expõe cada quadro na sua totalidade, assim como nas fotografias.

39. Taxas de frame de vídeo

A maioria das máquinas fotográficas profissionais que permitem gravar vídeo oferece uma taxa de frame. Geralmente, o padrão de televisão é PAL, que opera em 25 quadros por segundo (fps). Esta é a taxa que você deve considerar como ‘padrão’ para o seu vídeo se tiver a intenção de mostrá-lo em uma TV.

No entanto, você também pode atirar em 50fps para criar um efeito de câmera lenta, quando ele é jogado de volta a uma taxa de 25 fps ele vai efetivamente ser visto em “meia velocidade“, assim um segundo de imagens gravadas irá ser apresentado em dois segundos na tela.

A outra taxa de quadros a considerar é 24fps, a taxa normal para o cinema (em oposição ao vídeo). Embora um único quadro por segundo de diferença não pareça muito, é o suficiente para dar ao seu material um ‘look cine’ que é favorecido por muitos cineastas e criadores de vídeo profissionais.

40. Alterar as lentes
troca de lentes - Maquina Fotográfica Profissional

Muito tem sido dito sobre pequenas partículas de poeira que podem pousar no sensor da câmera e causar pontos nas imagens, que muitos fotógrafos ficam paranóicos na hora de trocar as lentes de sua câmera fotográfica profissional. Contudo, a possibilidade de trocar as lentes com facilidade, é uma das principais atrações das câmeras DSLR! Mesmo assim, existem algumas precauções simples para se levar em conta.

Sempre desligue a câmera quando for trocar as lentes, pois isso elimina qualquer carga estática do sensor que pode atrair partículas de poeira. Proteja a câmera do vento e certifique-se que você tem a lente de substituição pronta para se ajustar. Finalmente, mantenha a abertura da lente apontada para baixo durante a troca, para minimizar o risco que qualquer coisa caia sobre ela.

Esquecemos de alguma dica para sua máquina fotográfica profissional, ou tem alguma dúvida? Deixe sua opinião no campo de comentários abaixo.

Post anterior

Técnicas fotográficas que deixam as fotos mais profissionais

Próximo post

ME20F-SH: Algumas imagens da câmera com ISO 4 milhões