Home»Dicas de Fotografia»Dicas incríveis para fotografar cidades do alto

Dicas incríveis para fotografar cidades do alto

eMania
0
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Muitos lugares de todo o mundo têm espaços que oferecem ótimas vistas panorâmicas para fotografar cidades do alto. Um dos exemplos mais clássicos é o topo do Empire State Building em Nova Iorque, ou o Rockfeller Center, na mesma cidade. Ainda nos Estados Unidos, podemos citar os decks de observação de Chicago na Willis Tower e no Hanckock Building. Já na Europa, um lugar clássico é a Torre Montparnasse. Você também pode fotografar Londres do alto da St. Paul’s Cathedral, ou do topo do The Shard (o prédio mais alto da capital britânica).

A lista continua, inclusive no Brasil. O Terraço Itália, por exemplo, oferece uma ótima vista panorâmica de São Paulo .

Mas fotografar uma cidade do alto apresenta muitos desafios. Muitas vezes não se pode usar o tripé. Outras vezes, você vai precisar fotografar através de um vidro. E qual é a hora ideal para fazer esse tipo de fotografia? Quais configurações você deve usar?

Nesse texto, vamos explorar algumas dessas questões para você conseguir imagens ótimas de cidades vistas por cima.

fotografar cidades do alto

1. Por que eu não posso usar meu tripé?

Em alguns prédios, o uso de tripé é proibido, principalmente em prédios que são muito visitados, pela segurança. Se você não souber da existência dessa regra e colocar um tripé na bolsa, lembre-se que você corre o risco de não poder usá-lo. Então vá preparado para essa situação quando você for fotografar cidades do alto.

Se você for fotografar durante o dia, isso não vai te preocupar muito. Você terá muita luz à disposição para suportar uma velocidade de obturador alta e uma câmera na mão. Mas se você for fotografar com condições de iluminação precárias, ou durante a noite, a sua câmera fotográfica vai precisar de estabilidade para gerar imagens nítidas.

Na maioria dos casos você vai encontrar algo para dar esse suporte quando você for fotografar cidades do alto. Se o topo do prédio for todo envolto a vidro, você pode usar o chão para apoiar o seu equipamento. O parapeito também pode ser outra opção de estabilização da câmera para quando você for fotografar cidades do alto.

2. Fotografando através do vídeo

Alguns mirantes e prédios possuem uma estrutura fechada por vidros e para fotografar cidades do alto, você vai precisar fotografar através dele. Isso significa que o reflexo será um problema.

Apesar de encontrar uma solução para esse problema ser o sonho de grande fotógrafo, não existe uma fórmula mágica para isso. A ideia, portanto, é encontrar a posição, a iluminação e as configurações mais adequadas para minimizar ao máximo o reflexo do vídeo quando você for fotografar cidades do alto.

3. Que configurações eu devo usar para fotografar cidades do alto?

Suas configurações de exposição vão depender da quantidade de luz que você tem disponível. Por isso, não podemos dar as informações exatas, mas podemos te dar uma ideia para maximizar a iluminação a fim de promover a melhor exposição.

fotografar cidades do alto

Primeiro, e mais importante, lembre-se que de você não precisa de uma abertura pequena para essas fotos porque você não precisa de uma grande profundidade de campo. Seu foco será ajustado ao infinito já que nada na sua imagem estará próximo de você e da sua câmera.

Além disso, se você precisar de mais luz para criar a sua exposição, aumentar a abertura é uma boa maneira de começar.

4. Quando fotografar?

Escolher quando fotografar cidades do alto vai impactar mais na maneira que a sua fotografia vai ficar do que qualquer outra coisa que você fizer.

fotografar cidades do alto

Evite ir ao meio do dia. Esse é o pior momento para fazer esse tipo de imagem. Porém, você pode encontrar problemas com isso, principalmente se for fotografar de mirantes públicos, que têm horários limitados e não costumam abrir bem cedinho, que seria o horário ideal.

No entanto, a maioria desses lugares fica aberta até o início da noite. Dessa maneira, você pode aproveitar o pôr do sol, que tem uma iluminação tão boa quanto o nascer do sol para as fotografias.

Post anterior

Efeito Dramático de cores no Photoshop

Próximo post

Qual o melhor monitor para editar fotos?