Home»Artigos de Foto e Vídeo»MULHERES NA FOTOGRAFIA: GISELE BÜNDCHEN, A MODELO MAIS FOTOGRAFADA DO MUNDO

MULHERES NA FOTOGRAFIA: GISELE BÜNDCHEN, A MODELO MAIS FOTOGRAFADA DO MUNDO

eMania
1
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher (08 de março), este mês estamos apresentando uma série especial sobre as mulheres que marcaram a história da fotografia. Das grandes fotógrafas às mulheres mais clicadas nas últimas décadas, contaremos um pouco da vida daquelas que contribuíram para nossa cultura visual. Em nosso quinto artigo da série, a escolhida é ninguém menos que Gisele Bündchen, a supermodel mais clicada de todos os tempos.

Nascida em Horizontina, pequena cidade do Rio Grande do Sul, em uma família de descendentes alemães, Gisele Bündchen não é simplesmente a modelo mais bem paga do mundo, como também, a mais fotografada. A menina que sonhava em ser jogadora de vôlei foi descoberta aos quatorze anos de idade por um olheiro enquanto  fazia um curso para melhorar a postura.

Ainda adolescente Gisele foi levada para São Paulo, onde assinou o primeiro contrato. Depois de muitos “nãos”, sua carreira começou a decolar. Em 1996, viajou pela primeira vez a Nova York, dando início a carreira internacional. Três anos depois a rainha das passarelas fez sua primeira capa da Vogue. No ano seguinte, em 2000, apareceu novamente na capa da bíblia da moda, dessa vez como “modelo do ano”.

Gisele Bündchen ficou famosa mundialmente por quebrar o estereótipo  da modelo muito magra e pouco saudável. As curvas da brasileira, a simpatia e o profissionalismo, levaram Gisele a um patamar até hoje não alcançado por nenhuma outra modelo: a mais fotografada, a mais bem paga, a que emplacou o maior número de capas em revistas em todo o mundo. A garota do interior do Brasil trabalhou com os fotógrafos mais renomados do mundo da moda, de Mario Testino a Steven Meisel.

Seu vasto currículo também  inclui anúncios, desfiles e campanhas para grifes renomadas, como, Victoria’s Secret, Yves Saint Laurent, Dolce & Gabbana, Christian Dior, Balenciaga, Versace, Givenchy, Louis Vuitton, Ralph Lauren, Valentino, Bulgari, Tommy Hilfiger e Colcci. Além de ter sua própria marca lingerie, a Intimates.

A modelo também usa sua fama e sua imagem para defender inúmeras causas sociais, principalmente na África, e para a preservação da Floresta Amazônica, com a qual ela contribui doando uma porcentagem dos lucros da venda de sua linha de sandálias fabricadas no Brasil. Em setembro de 2009, Gisele passou a ser Embaixadora da Boa Vontade das Nações Unidas para questões relacionadas ao meio ambiente.

Gisele Bündchen anunciou sua aposentadoria das passarelas em 2015 para priorizar a família. Ela é casada com o astro do futebol americano, Tom Brady, com quem tem dois filhos. Mesmo assim, continua a fazer campanhas fotográficas e se dedica a causas humanitárias, especialmente as ligadas ao meio ambiente.

Com uma carreira incrível, meteórica e versátil, a mulher que sonhava em jogar vôlei quando pequena, virou sinônimo da moda contemporânea. Seu legado na indústria da qual faz parte é inquestionável. Como muitos especialistas no ramo já disseram, muitas modelos ainda virão, porém, nenhuma atingirá o patamar que Bündchen conquistou, pois ela já é a história da moda, da fotografia.

Post anterior

6 dicas de fotografia para festa infantil!

Próximo post

Como usar a compensação da exposição adequadamente na fotografia ?