Home»Dicas de Fotografia»5 coisas a avaliar para escolher o melhor curso de fotografia

5 coisas a avaliar para escolher o melhor curso de fotografia

eMania https://blog.emania.com.br/content/uploads/2015/05/logotipo.png
eMania
3
Compartilhamentos
Pinterest Google+ WhatsApp

Na hora de escolher o melhor curso de fotografia muitas dúvidas aparecem: qual o melhor tipo de curso? Que formato escolher: online ou presencial? Como saber se o curso é realmente bom e se pode ajudar?

Se você também se deparou com essas dúvidas recentemente, fique tranquilo!

Veja no post de hoje 5 coisas que você deve avaliar em qualquer curso de fotografia, workshop ou outro treinamento. Entenda o que levar em conta nessa escolha, tire todas as suas dúvidas e tenha certeza que fez a escolha correta para seu aprendizado. Confira!

1. Professores

A primeira coisa a avaliar na escolha do melhor curso de fotografia são os professores, sem dúvida. Afinal de contas, serão esses profissionais que vão transmitir o conhecimento para você e capacitá-lo para trabalhar nesse mercado.

Pesquise pelos nomes dos professores do curso que está cogitando começar, analise os trabalhos deles, veja se possuem portfólios, qual o estilo fotográfico que mais gostam e assim por diante.

Essa pesquisa inicial vai ajudá-lo a entender se o professor tem as mesmas preferências que você e o mesmo estilo fotográfico. Isso é importante pois é muito melhor aprender fotografia de casamento com quem atua com tal estilo, do que com um profissional que só faz fotos da natureza, não é?

Procure certificar-se que o professor realmente domina o assunto e tem capacidade de ensiná-lo sobre aquilo que promete. Caso contrário você pode acabar gastando dinheiro com um curso que não lhe ensinará nada.

2. Grade do curso

A grade do curso de fotografia também precisa ser analisada com calma e muita cautela. Como fotógrafos costumamos estudar bastante e testar várias coisas. Esse aprendizado constante nos ajuda a manter o conteúdo sempre fresco na mente, bem como profissionalizar o trabalho cada vez mais.

Por outro lado está cada vez mais fácil se informar e buscar por conhecimento. Há muita informação de qualidade disponível na internet e você pode pesquisar e aprender sobre praticamente qualquer coisa.

Exatamente por esse motivo a grade do curso de fotografia é importante, especialmente se você for investir algum dinheiro. É preciso garantir que o que aprenderá realmente será útil, informativo e não apenas uma repetição dos conteúdos grátis que vemos por aí.

Imagine investir centenas de reais em sua matrícula e depois descobrir que poderia aprender tudo sozinho. Com certeza é algo desanimador. Portanto, olhe com atenção a grade do curso e veja se realmente vai somar em sua vida como fotógrafo.

3. Teoria x prática
5 coisas a avaliar para escolher o melhor curso de fotografia

Outro dado importante é a teoria x prática do curso. O treinamento tem oficinas para praticar o conhecimento? Tem concursos entre os alunos para colocar os aprendizados em prática? Ou é apenas teoria por horas a fio e sem descanso?

É claro que a teoria é muito importante na hora de moldar sua profissão como fotógrafo. Mas de nada adianta dominar completamente a teoria e, quando precisar usar uma câmera fotográfica na prática, simplesmente travar.

Além disso, nós sabemos que muitas regras técnicas possuem as suas exceções. E apenas na prática, no dia a dia, é que você terá acesso a esses aprendizados e vai entender exatamente o que funciona e o que não funciona em fotografia.

Sendo assim, opte por um curso de fotografia que alie a teoria e a prática de algum modo. O treinamento deve balancear essas duas frentes e realmente torná-lo um profissional preparado para atuar no dia a dia.

4. Tipo de curso

Qual o tipo de curso que você procura: iniciante, técnico ou faculdade? Você precisa de um treinamento presencial ou online? Quais desses tipos mais lhe chama a atenção e em quais deles seu aproveitamento será melhor?

Essas são perguntas importantes de responder na hora de escolher o melhor curso de fotografia. Afinal de contas, cada pessoa é única e tem seus interesses próprios. O que pode ser bom para mim simplesmente não funciona para você, e vice-versa.

Logo, você precisa ter um pouco de autoconhecimento aqui e ver o que é melhor para você. Um fotógrafo com uma rotina agitada, ou que não tem como viajar agora por falta de recursos, pode optar por um curso online para aprender direto de casa.

Já uma pessoa desorganizada, que não consegue estudar sozinha, precisa de um compromisso de ir a uma escola e ter um professor auxiliando o aprendizado. Ao comprar um curso online essa pessoa corre o risco de não concluí-lo e perder o seu investimento.

Qual dessas duas situações melhor descrevem você? Qual o seu nível de conhecimento até agora e onde deseja chegar? Responder essas perguntas vai ajudá-lo a selecionar o melhor treinamento para o seu caso, aquele que não só tem a informação que você precisa como se encaixa ao formato que procura.

5. Depoimentos
5 coisas a avaliar para escolher o melhor curso de fotografia

Por fim olhe os depoimentos de antigos e atuais alunos do curso, da escola e do professor. O que eles dizem sobre o treinamento? Eles gostaram do que viram dentro do curso? Aprovaram o método de ensino do professor? O curso realmente agregou conhecimento?

Hoje é muito fácil obter esse tipo de informação na internet. Você é capaz de postar suas dúvidas em um fórum ou grupo nas redes sociais e receber as respostas que precisa. Basta um pouco de paciência, dedicação e bastante pesquisa.

Saber o que os alunos dizem vai ajudá-lo a entender se o curso é para você ou não. Da mesma forma, se só há reclamações é um indício de que sua experiência não será boa e talvez seja melhor buscar por outra opção.

Siga essas dicas mencionadas neste post para escolher o melhor curso de fotografia para o seu caso. Além dessas sugestões, leve em conta as suas características e interesses. Não adianta se matricular em um curso iniciante, por exemplo, se você já tem algum conhecimento sobre fotografia.

No mais converse com as pessoas, troque experiências e se aventure também. Na maioria das vezes você consegue aprender, pelo menos um pouco, com cada curso que faz. Basta saber aproveitar as aulas e captar as informações de que precisa.

Comente

Post anterior

Smartphone da LG vem com diferenciado sistema de câmera tripla

Próximo post

Viajante descobre fotos idênticas as suas com três décadas de diferença

O Autor

Nizar Escandar

Nizar Escandar

Editor Chefe do Blog eMania